Bella Tozini (paulistana, n. 1980) é uma artista e pesquisadora do campo das artes visuais cujo trabalho explora questões de identidade por meio de retratos fotográficos e vídeo. Sua prática artística está centrada nos corposdissidentes e suas estratégias de subversão e visibilidade entre os campos da cultura pop e da tradição. Publicou o fotolivro de retratos “Lacração”, sobre a comunidade LGBTQI+ da cidade de Jundiaí – SP em 2018. Em junho de 2019, realizou a exposição fotográfica e intervenção urbana “Lacração - Territórios”, ambos os projetos foram contemplados pelo ProAC - SP. Seu projeto mais recente lançado em agosto de 2021 é o fotolivro – “CorpesProváveis” – com fotografias e entrevistas de artistas e ativistas LGBTQIAP+. Vive na cidade de Cabreúva com atuação em grupos e coletivos culturais das cidades de Itu, Jundiaí, Campinas e região. 

Publicações:​​​​​​​
2021 - Corpes Prováveis, agosto de 2021 
2019 – Periódico Uncertain States #30, Londres - UK, março de 2019.
2018 – Fotolivro “Lacração”, agosto de 2018 (ProAC).
2015 – Citação do fotofilme “Hotel Savoy” no Livro “Fotofilmes Brasileiros”, de Érico Elias.

Pesquisa:
2018 – Mestrado em Artes Visuais: “Deslocamentos de Ana Mendieta” (IA - Unicamp)
Prêmios:
ProAC 15/20121. Edital de promoção das manifestações culturais.
ProAC 16/2018. Edital obras e exposições.
ProAC 26/2017. Edital de promoção das manifestações culturais com temática LGBT.

Exposições e mostras individuais:

2019 – Exposição fotográfica individual e intervenção urbana “Lacração - Territórios” (ProAC) Vários espaços da cidade de Jundiaí, junho de 2019.
2018 – Intervenção fotográfica “Lacração” Instituto de Artes da Unicamp, out. de 2018, Campinas 
2018 – Intervenção fotográfica “Lacração” SESC Jundiaí, set. de 2018, Jundiaí- SP.

Exposições e mostras coletivas:
2020 – 45 ̇ Salão de Artes da Ribeirão Preto (SARP) – SP, agosto de 2020.
2020 – Exposição coletiva “C*NSORSH*P” na Gallery&Co119, Paris, França
2019 – Mostra coletiva “Meios e Processos” no FAMA, Itu -SP, nov. 2019 – mar. 2020
2019 - 26 ̇ Salão de Artes da Praia Grande – SP, nov. de 2019.
2019 – Mostra coletiva no MARP, Ribeirão Preto - SP, out. de 2019.
2018 – “Textão” no Museu da Diversidade Sexual, São Paulo - SP, nov. de 2018.
2017 – Exposição coletiva no InterFoto Itu, julho de 2017, Itu – SP.
2015 – “Hotel Savoy” (fotofilme), exibido 11 ̇ Paraty em Foco, 26 ̇ Festival Internacional de Curtas Metragens de SP, FEIA 16 – Festival do Instituto de Artes da Unicamp, III Seminário Studium – Mostra Unicamp de Fotografia.

Outros:
2019 - Meios e processos de criação em arte, Fábrica de Arte Marcos Amaro (FAMA), Itu – SP. 
2013 – Residência em Fotografia LABMIS. Museu da Imagem e do Som de São Paulo. Produtora e fotógrafa do projeto “Blindness” do artista holandês Timothy Leyendekker.

Cursos e oficinas que ministrou:
2019- O Retrato e os Corpos Dissidentes, Casa Amarela, Jundiaí, SP.
2018 – Retrato Queer, Sesc Jundiaí, SP.
2017 - A Fotografia Queer, Secretaria da Diversidade de Jundiaí, SP. 2016 - Fotografia de Retrato, Sesc Jundiaí, SP.
2016 - Fotografia de Retrato, Sesc Jundiaí, SP
2014 - Fotografia de Retrato, Sesc Consolação, SP no Festival PHOTOESPANÃ.
Back to Top